Call for papers: Revista de Historia Económica-Journal of Iberian and Latin American Economic History, Special Issue on Portuguese Economic and Social History

Ótima oportunidade para quem esteja a fazer investigação de qualidade sobre a economia Portuguese numa perspectiva de longo prazo. Ver mais aqui.

Image result for revista de historia económica

Anúncios

A população Portuguesa no longo prazo

Um artigo recente constrói pela primeira vez a população Portuguesa no longo prazo. A informação de base são os nascimentos e mortes anuais a nível paroquial (a Figura 1 mostra a título de exemplo, a freguesia de São João Baptista de Vila do Conde). Depois são feitos vários ajustamentos necessários, e é utilizada informação complementar de contagens e censos.

Picture2.png

Figura 1. Nascimentos, mortes e mortes corrigidas.

Aqui fica a curva da população da distribuição regional da população (Figura 2), assim como da população nacional, para 1527-32. É de notar a grande diferença em relação ao que tinha sido sugerido anteriormente por historiadores, especialmente no período entre meados do século XVI e meados do século XVII. Este tipo de dados tem implicações importantes para a nossa compreensão da história económica Portuguesa de longo prazo; delas voltarei aqui a escrever no futuro.

O artigo (ainda na forma de um documento de trabalho) também pode ser acedido aqui.

Picture4.png

Figura 2. População a nível regional (apenas para Portugal continental).

Picture3

Figura 3. População nacional, 1527-1864.

 

Como resolver a estagnação de Portugal?

Fernando Alexandre, no TEDx Braga, refere-se ao enorme problema em que Portugal se encontra hoje, e sugere algumas soluções importantes. Os seus livros Crise e Castigo (com co-autores Luís Aguiar-Conraria e Pedro Bação) e o vindouro Poupança e Financiamento da Economia Portuguesa (com os mesmos co-autores e ainda Miguel Portela) são de leitura fundamental para quem queira perceber a situação actual do país.

Obrigado ainda por se referir à minha investigação (que também é do Jaime Reis).

Fica aqui a notícia do ECO.

 

Alguns artigos recentes

A minha estreia no ECO: Na busca das origens de um Portugal pobre

O meu último artigo no Observador: Portugal é pobre e a culpa é dos outros. (Será verdade?)

Para algumas respostas sobre o problema da falta de crescimento em Portugal (que também levantei em Qual deveria ser o debate?), ver o recente artigo A austeridade não tem cor nem sexo, de Fernando Alexandre, e também, para uma análise mais detalhada, o excelente livro “Crise e Castigo” publicado pela FFMN.

eco-logo_og-image