Em Portugal aconteceu um milagre

O “milagre” foi o crescimento económico das últimas seis décadas e meia. Foi um dos acontecimentos mais importantes da História de Portugal. Foi sem dúvida o acontecimento mais importante da História de Portugal, pelo menos no que toca o bem-estar dos portugueses. Por comparação, tudo o resto, desde o tempo dos Afonsinos, é secundário.

Quem ouça este facto pela primeira vez , se não ficar espantado, é porque ainda não o interiorizou.

Portugal, Belem, Jeronimo Monastery

Em 2005, o rendimento médio por pessoa, ajustado à inflação, era em Portugal mais de 7 vezes o que tinha sido em 1950. Ver os dados aqui.

Mais de 7 vezes! Pensem bem. E por pessoa. Imaginem que o vosso rendimento anual era agora, de repente, dividido por 7. Era assim que,em média, tinham de viver os vossos antepassados. Sim, era possível. Afinal, vocês estão aqui agora para o provar, já que isso implica que os vossos antepassados sobreviveram e até deixaram descendência.

(Nota: Esta comparação não é muito rigorosa por alguns motivos, mas ilustra de forma aproximada as magnitudes de que estamos a falar. Aliás, em relação ao bem-estar peca certamente por defeito, porque ignora que a qualidade dos bens consumidos também melhorou, e a variedade aumentou, para já não falar dos enormes ganhos em acessos à saúde e à educação.)

Quase ninguém ficou para trás. O crescimento económico moderno foi uma maré que subiu todos os barcos.

Ou seja, apesar da evolução da desigualdade no longo prazo ser uma questão em aberto para a qual não temos certezas, o que não há dúvida é que quase todos ficaram a ganhar com o que aconteceu em Portugal nos últimos 65 anos. Foi a maior revolução da nossa História.

Afinal, ao contrário do que se passa na maioria dos outros países da Europa Ocidental, o crescimento económico moderno em Portugal está suficientemente próximo de nós para que todos saibamos, por experiência própria, ou por ouvirmos de familiares que tiveram essa experiência, o que foi viver num Portugal verdadeiramente pobre. Como qualquer pessoa que já tenha estado em África, em grande parte da Ásia, ou em muitas zonas da América do Sul saberá, Portugal hoje não é pobre, longe disso.

Alentejo, Portugal, Sunrise, Plains, Landscape

O “milagre” do crescimento económico mudou tudo. Foi mais espetacular que qualquer filme de acção. Nunca antes, em Portugal, tantas e tão grandes oportunidades foram criadas em tão pouco tempo, e para tanta gente. Com o histerismo mediático à volta da “crise” e da “austeridade” é fácil esquecer isto. E está errado quem já me quiser acusar de usar aspas nestes últimos dois termos eu por achar que tudo está bem ou que não há problemas para resolver; se for esse o seu caso, por favor leia este post.

Mas o que a crise não nos deve fazer esquecer é o espetacular progresso que Portugal conseguiu na segunda metade do século XX. Reparem que, na verdade, todos esses ganhos aconteceram essencialmente no meio século entre 1950 e 2000. Desde então, Portugal tem estado, em geral, parado. Em alguns aspetos que afetam o bem-estar mas não aparecem no PIB por pessoa Portugal até talvez tenha melhorado desde então, e noutros piorado.

Park Of Nations, Lisbon, Portugal, Lisbon Oceanarium

A pergunta mais importante que podemos fazer sobre toda a História de Portugal é porque que razão crescimento económico moderno aconteceu precisamente neste período. Já num anterior post, sublinhei que até relativamente tarde, Portugal não era mais pobre do que outros países europeus da Europa ocidental. Por isso, as condições iniciais não pareciam, à primeira vista, más. Em 1800 Portugal era mais rico que a Alemanha ou a Suécia, países hoje venerados em Portugal como o pináculo da eficiência, hábitos de trabalho, etc.

Mas muitos desses países começaram a crescer no século XIX, e Portugal ficou para trás. Porquê? É uma das questões mais importantes que podemos perguntar sobre a nossa história. É a pergunta mais importante que podemos e devemos colocar sobre a nossa História. Porque perdeu Portugal o comboio?

E porque foi mais tarde capaz de recuperar? É essencial refletirmos sobre estes assuntos, até porque as respostas podem ajudar-nos a compreender melhor como sair do problema em que nos encontramos agora.

Anúncios

2 thoughts on “Em Portugal aconteceu um milagre

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s